Criadores de Senepol se reúnem em Pirajuí/SP para ver as novas Safiras

 

Criadores de 51 marcas diferentes de todo o Brasil vão se reunir no próximo dia 6 de outubro, na Fazenda da Grama, em Pirajuí/SP, para conhecer o resultado da edição atual do programa Safiras do Senepol. A grande maioria dos selecionadores que inscreveram suas novilhas no teste faz parte do grupo Parceiros do Senepol. Na edição 2015.1, o Safiras bateu o recorde de inscrições, com 230 fêmeas jovens, de um total de 1.400 fêmeas avaliadas desde 2009, quando foi implantado o programa, que já foi premiado internacionalmente.

Criadores visitam Fazenda da Grama para conhecer as novas Safiras do Senepol. (Foto: Assessoria de Comunicação S+)

Criadores visitam Fazenda da Grama para conhecer as novas Safiras do Senepol. (Foto: Assessoria de Comunicação S+)

O primeiro compromisso dos criadores está marcado para 9h30, na Câmara Municipal de Pirajuí. Depois do almoço, eles verão de perto, na fazenda onde acontece a prova, as novas doadoras qualificadas no programa. Primeiro, conhecerão as premissas estabelecidas no teste e os critérios de classificação para os sete quesitos que formam o ranking de cada edição. Depois, os grupos qualificados separadamente.

As 230 novilhas de 46 pais e 54 avôs maternos diferentes chegaram para o programa com idades entre 14 e 16 meses, passaram por 21 dias de adaptação e por 150 dias de avaliação em sete características economicamente impactantes para a pecuária de corte – ganho de peso, carcaça, eficiência alimentar, frame, escore do trato reprodutivo, população folicular e visual.

Novilhas do programa Safiras do Senepol aguardam divulgação do resultado no dia 6 de outubro. (Foto: Assessoria de Comunicação S+)

Novilhas do programa Safiras do Senepol aguardam divulgação do resultado no dia 6 de outubro. (Foto: Assessoria de Comunicação S+)

Há quatro anos, a prova passou a ter duas edições anuais e, há dois, a classificação ganhou um pódio com as três mais bem ranqueadas, que serão conhecidas no dia 6. O regulamento qualifica como Safiras Top 10 apenas 10% das inscritas – outra parte delas ganha a chancela de Safira Elite ou Superior, o que as torna aptas também a fornecer material genético para as biotecnologias de reprodução, como FIV e TE.

“Essa divulgação sempre causa uma expectativa muito grande e os criadores se baseiam muito nos números do desempenho de seus animais no programa, para promover o melhoramento genético no seu rebanho”, argumenta Júnior Fernandes, titular da Grama Senepol e gestor de Produtos da S+, coordenadora do grupo Parceiros do Senepol. “Isso é um sinal muito positivo de responsabilidade com o mercado”. Alex Marconato, gestor de Serviços da S+, lembra que “o teste não é um julgamento, uma avaliação subjetiva”. “É o desempenho dos animais que estabelece os escores e o programa apenas computa tudo e ranqueia”, completa.

A prova, coordenada pela S+ em parceria com entidades de renome nacional e internacional, ganhará uma ampliação para a próxima edição, que começará em novembro, já que uma parceria com a Intergado, de medição 100% automatizada de eficiência alimentar, vai dobrar a capacidade do programa de 24 para 48 cochos eletrônicos, comportando até 500 animais. “Nós temos uma demanda forte de criadores querendo qualificar seus animais e essa ampliação será benéfica nesse sentido”, explica Júnior Fernandes.

Esta entrada foi publicada em Destaques, Notícias, Noticias Safiras. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.