Grama e seus 15 anos de história e referência

Faz 15 anos da viagem que ajudou a mudar a pecuária do Brasil. Na bagagem daquela turnê pelos Estados Unidos, Júnior Fernandes, um técnico formado e sempre à procura do melhor para o seu negócio e dos seus clientes, levou muita curiosidade para ter certeza do que já vinha estudando: os resultados do Senepol. De lá para cá, a fazenda da Grama se tornou referência no mundo. Ao longo dos anos, a Grama Senepol foi reconhecida pelos negócios gerados, as ações lançadas no mercado brasileiro e o arrojo de potencializar os benefícios da raça adaptada. Currículo suficiente para encabeçar o Leilão Virtual 15 anos Grama Senepol e Convocados, marcado para 30 de maio, sexta-feira, 20h00, com transmissão do Canal do Boi.

IMG_2239

Quem ouve “virtual” deve se perguntar por que o leilão não é presencial, em função de uma data tão importante? “Eu sempre achei que produtos como o que nós teremos no leilão precisam da atenção dos investidores, porque foram selecionados com muito rigor”, explica Júnior Fernandes. “E no conforto da casa dele, além de não precisar se deslocar, o interessado vai poder dedicar a atenção que precisa em cada lote, pra poder escolher com critério”.

Estratégias como essa fizeram a história da Grama em sua caminhada na seleção e no agrupamento de outras marcas para juntar forças e compor o grupo Parceiros do Senepol, que começou com a Genetropic e Santa Helena e foi crescendo com uma comunhão de filosofias de trabalho que hoje contabiliza 41 criatórios. Todos confiaram no pioneirismo da Grama e em empresas que ela ajudou a fundar, como a S+, composta por técnicos que prestam  serviços aos membros do grupo. Só para citar mais ações relevantes para o desenvolvimento da raça, partiu da Grama a criação do programa Safiras do Senepol, premiado internacionalmente por sua eficiência na avaliação e qualificação de doadoras jovens e cada vez mais funcionais e belas, além de ter sido sócia número 1 da Associação Brasileira dos Criadores de Bovinos Senepol (ABCB-Senepol) que a fazenda ajudou a fundar, em 2002.

CLONE FOTO 02A vanguarda seguiu com o primeiro clone de Senepol registrado no mundo, a TN-1, copiada da doadora Loira da Grama, uma das mais importantes matriarcas da raça. Além do arrojo de investimentos como o Isla Senepol, também junto a Genetropic e Santa Helena, para importar do berço da raça, a Ilha de Santi Croix, no Caribe, doadoras e reprodutores em coleta atualmente nos USA.

Tudo isso só foi possível graças ao respeito que a Grama foi colecionando ao longo dos anos e que culminou com uma seleção que está à altura de uma data tão expressiva. A Grama passou a selecionar Senepol há 15 anos com o que havia de melhor no rebanho norte-americano e deixou para trás todos os estudos que já havia feito com pecuária comercial para abastecer o mercado com produtos de valor agregado. “A gente passou por várias fases, até chegar no composto e depois adotar o Senepol, uma raça que ninguém segura mais”, conta José Antônio Fernandes Netto, pai de Júnior, conhecido como Zé Torneira e homem que fundou a Fazenda da Grama em Pirajuí/SP, no início da década de 1980. “Como o Júnior se tornou referência, o grupo deles cresceu e a raça também, mas tudo isso foi com muito trabalho e responsabilidade”, completa.

8569016097_2d45c4f898_o

Tanto que a Grama se dá ao luxo de colocar no leilão alguns presentes. Por exemplo, serão sorteados entre os compradores quatro pacotes de 15 embriões de Safiras Top 10 cada, que dá ao investidor de um lote a chance de levar, no mínimo, seis produtos, o que ele paga e os cinco que a S+ garante de resultados dos embriões (relação de uma cria a cada três embriões). “Pode até ser mais, é claro, mas a garantia nossa é essa e o contemplado pode vir na fazenda escolher conosco os genearcas raros para os acasalamentos”, afirma Júnior Fernandes.

O leilão terá 30 lotes de doadoras do presente e do futuro, sendo 17 da Grama Senepol e os demais de marcas que a própria empresa convocou – mais do que convidou – para fazer parte de um catálogo histórico. “São parceiros que acreditaram desde o começo nessa história que o Senepol podia fazer e está fazendo, por isso a chance de vender conosco numa data tão especial”, justifica Júnior Fernandes.

 

Com isso, compõem com um lote de futuras doadoras cada, escolhidas a dedo para o leilão, os seguintes criatórios: 2S, Agropecuária Zélia Bellodi, Bela Vista, Brandamundo, Genetropic, Goud, ITA, Luar, Paranoá, R3, Santa Helena e Terra. O leilão vai contar com uma condição especial de pagamento, 30 parcelas (1+29 parcelas).

Mas o certo é que todos os produtos do leilão interessam, e muito, a todos que já se apaixonaram pela raça ou os que podem entrar pela porta principal do Senepol através deste leilão.

Todas informações e lotes estão no hotsite do leilão 15 anos da Grama, 15anos.senepoldagrama.com.br.

Esta entrada foi publicada em Notícias e marcada com a tag , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 4 =